Igreja Batista Fundamentalista Cristo é Vida

Bíblia Online

[ cristoevida.com ]

  • youtube
  • Instagram
  • twitter

Artigos

IGREJA BATISTA FUNDAMENTALISTA CRISTO É VIDA
www.cristoevida.com


O Perigo da Imprudência

24/02/2012


Igreja Batista Fundamentalista Cristo é Vida

Artigos – Pr. José Nogueira

 

O Perigo da Imprudência

1           Naquele tempo enviou Merodaque-Baladã, filho de Baladã, rei de Babilônia, cartas e um presente a Ezequias, porque tinha ouvido dizer que havia estado doente e que já tinha convalescido. 

2           E Ezequias se alegrou com eles, e lhes mostrou a casa do seu tesouro, a prata, e o ouro, e as especiarias, e os melhores ungüentos, e toda a sua casa de armas, e tudo quanto se achava nos seus tesouros; coisa nenhuma houve, nem em sua casa, nem em todo o seu domínio, que Ezequias não lhes mostrasse. 

3           Então o profeta Isaías veio ao rei Ezequias, e lhe disse: Que foi que aqueles homens disseram, e de onde vieram a ti? E disse Ezequias: De uma terra remota vieram a mim, de Babilônia. 

4           E disse ele: Que foi que viram em tua casa? E disse Ezequias: Viram tudo quanto há em minha casa; coisa nenhuma há nos meus tesouros que eu deixasse de lhes mostrar. 

5           Então disse Isaías a Ezequias: Ouve a palavra do SENHOR DOS EXÉRCITOS: 

6           Eis que virão dias em que tudo quanto houver em tua casa, e o que entesouraram teus pais até ao dia de hoje, será levado para Babilônia; não ficará coisa alguma, disse o SENHOR. 

7           E até de teus filhos, que procederem de ti, e tu gerares, tomarão, para que sejam eunucos no palácio do rei de Babilônia. 

8           Então disse Ezequias a Isaías: Boa é a palavra do Senhor que disseste. Disse mais: Pois haverá paz e verdade em meus dias. 

Isaías 39

 

 

Volto a escrever mais rotineira e frequentemente sobre as minhas experiências, impressões e coisas interessantes do meu dia a dia. Hoje o que me chamou a atenção está em Isaías 39:6 “Eis que virão dias em que tudo quanto houver em tua casa, e o que entesouraram teus pais até ao dia de hoje, será levado para Babilônia; não ficará coisa alguma, disse o SENHOR.” 

 

O capítulo 39 do profeta Isaías é pequeno, mas muito interessante. O contexto dele está situado depois da tentativa frustrada do reino assírio de invadir Judá, com Senaqueribe, por volta do ano 700 a.C. (lembremos que o Reino do Norte, com sua capital Samaria, caíram e foram destruídos em 722 a.C. ou seja, há 20 anos atrás uma parte de Israel havia sido pulverizada pelos assírios).

 

Embora o grande império conquistador do momento ainda seja a Assíria, na época do rei Ezequias, o centro do poder no Oriente Médio vai passar em breve para os caldeus da Babilônia. Os caldeus em breve iriam conquistar Nínive, a capital assíria, e depois toda a Mesopotâmia e Oriente Médio (inclusive o Reino do Sul, Judá, e sua capital Jerusalém, em 586 a.C).

Mas, antes que isto ocorra, ainda no tempo de Ezequias, os caldeus iniciam suas campanhas políticas, fazendo aliados, e conhecendo suas futuras conquistas, principalmente a Terra de Israel.

 

Com esse propósito dissimulado, eles enviam uma comissão de emissários com o fim de boas relações, aparentemente, mas, segundo se compreende à luz da história, numa primeira investida, para verificar o que poderia usufruir de uma conquista mais tarde das terras dos judeus, que era uma rota certa de trajetória para chegar mais ao sul, o Egito, em busca da hegemonia de suas conquistas.

Ezequias, talvez, vaidoso com a vitória obtida sobre os assírios e não avaliando bem o perigo que representava, no momento, a Babilônia, escancarou suas portas para mostrar aos "espiões" todos os seus tesouros e armas.

 

O sábio profeta Isaías usou seu discernimento espiritual para exortar a atitude do rei Ezequias e dizer-lhe claramente o que havia por trás daquela "inocente" visita: “Eis que virão dias em que tudo quanto houver em tua casa, e o que entesouraram teus pais até ao dia de hoje, será levado para Babilônia; não ficará coisa alguma, disse o SENHOR.”  - Isaías 39:6.

Será que muitas vezes isto não está acontecendo conosco também?

Estamos deixando que o "inimigo" penetre em nossos lares e assim vamos sendo consumidos por seu engano e malícia. Tem até aparência boa, inocente, mas traz em seu interior o pecado e o mal, e nós, sem nos apercebermos da artimanha maligna, permitimos que ele vá penetrando, influenciando e tomando conta de nossa casa.

 

Foi assim com Ezequias, e, por isso, mais tarde, Jerusalém vai se tornar alvo da das conquistas militares de Nabucodonozor, sendo invadida, dominada e depois destruída (586 a.C.).

 

Que aprendamos a lição e não abramos as nossas casas à visita do pecado e do mal, que pode ser que não seja em nossa geração (tal qual aconteceu com Ezequias, por isso se conformou dizendo que, pelo menos não seria em sua época, quando Isaías profetizou que aquele mal que ele deixara entrar em sua terra iria produzir frutos amargos entre seus filhos: “E até de teus filhos, que procederem de ti, e tu gerares, tomarão, para que sejam eunucos no palácio do rei de Babilônia.  Então disse Ezequias a Isaías: Boa é a palavra do Senhor que disseste. Disse mais: Pois haverá paz e verdade em meus dias.” (versículos 7 e 8). 


Que esta lição nos livre dessas influências em nossa geração e também nas gerações que vierem após a nossa.

 


Pr. José Nogueira


2012-02-24 00:00:00

TV Cristo é Vida - Ao Vivo aos Domingo
Israel 2018

© IBFCV • Igreja Batista Fundamentalista Cristo é Vida

Avenida K, nº 911 - Planalto da Barra - Vila Velha - Fortaleza - Ceará - Brasil - CEP 60348-530 - Telefone: +55 85 3286-3330