Igreja Batista Fundamentalista Cristo é Vida

Bíblia Online

[ cristoevida.com ]

  • youtube
  • Instagram
  • twitter

Artigos

IGREJA BATISTA FUNDAMENTALISTA CRISTO É VIDA
www.cristoevida.com


Joel, o Dia do SENHOR está perto! Parte X

Joel 3:14


O Grande Dia do SENHOR

Parte II

Joel 3:14-21

“Multidões, multidões no Vale da Decisão; porque o Dia do SENHOR está perto, no Vale da Decisão”. (Joel 3:14)

Estátua do Profeta Joel – em Quiriate-Jearim, Israel – Foto: Pr. J. Nogueira

Joel, no capítulo 3, profetiza o Grande Dia do SENHOR.

            Muitos rejeitam essa mensagem. A Bíblia descreve como a maioria dos homens sempre tratou com desdém os anúncios de juízo divino.

            Joel anunciou que o Grande Dia do SENHOR virá sobre todo o mundo.

            O Dia do SENHOR tem duas características:

            1 – Significa para os incrédulos terror e pânico, pois serão condenados. Por causa do desprezo da Palavra de Deus, eles terão que passar pela terrível ira de Deus. Para eles é condenação. O encarar a face de Deus no Juízo é milhões de vezes mais temível do que a morte -      Apocalipse 6:15-17:

“E os reis da terra, e os grandes, e os ricos, e os tribunos, e os poderosos, e todo o servo, e todo o livre, se esconderam nas cavernas e nas rochas das montanhas;

E diziam aos montes e aos rochedos: Caí sobre nós, e escondei-nos do rosto daquele que está assentado sobre o trono, e da ira do Cordeiro;

Porque é vindo o grande dia da sua ira; e quem poderá subsistir?”

            2 – Mas, enquanto para os incrédulos significa pavor e juízo, para os crentes o Dia do SENHOR é tempo de alegria e exultação – Apocalipse 19:6 e 7:

“E ouvi como que a voz de uma grande multidão, e como que a voz de muitas águas, e como que a voz de grandes trovões, que dizia: Aleluia! pois já o Senhor Deus Todo-Poderoso reina.

Regozijemo-nos, e alegremo-nos, e demos-lhe glória; porque vindas são as bodas do Cordeiro, e já a sua esposa se aprontou”.

 

            Como vimos, o Dia do SENHOR, conforme descrito por Joel, no Capítulo 3, tem quatro fases:

            I - A Causa do SENHOR - Vs. 1 a 6

            II - A Declaração de Guerra contra as Nações – Vs. 7 a 13

            III – A Execução do Juízo contra os Ímpios – Vs. 14 a 16

            IV – As Bênçãos sobre o Povo de Deus – Vs. 17 a 21

 

            Já estudamos as duas primeiras fases, conforme os versículos de 1 a 13.

            Vimos primeiramente:

 

I – A CAUSA DO SENHOR DEUS – Vs. 1 a 6

            Deus começa dizendo que vai oficializar a Sua contenda contra as nações, vai não apenas intimar, mas está oficialmente apresentando a acusação, que tem os seguintes elementos:

            1 – Data - Vs.1

            Essa data está marcada, ninguém sabe, senão Deus – Atos 17:31

“Porque, eis que naqueles dias, e naquele tempo,

em que removerei o cativeiro de Judá e de Jerusalém”

           

            2 – Local – Vs. 2 (Também descrito no vs. 14)

            Vale de Jeosafá (Vale da Decisão) = Armagedom, em Apocalipse 16:16 (2 Cr 35:22).

“Congregarei todas as nações, e as farei descer ao vale de Jeosafá; e ali com elas entrarei em juízo, por causa do meu povo, e da minha herança, Israel, a quem elas espalharam entre as nações e repartiram a minha terra”

           

            3 – As Acusações contra as Nações:

            A – Elas baniram o Povo de Deus da Terra de Deus – Vs. 2 B

“... e ali com elas entrarei em juízo, por causa do meu povo, e da minha herança, Israel,

a quem elas espalharam entre as nações”

           

            B - Elas repartiram a Terra de Israel – Vs. 2 C

“... e repartiram a minha terra”

           

            C – Elas negociaram o povo de Deus – Vs. 3 e 6

            Vs. 3 = “E lançaram sortes sobre o meu povo, e deram um menino por uma meretriz, e venderam uma menina por vinho, para beberem”.

            Vs. 6 =  “E vendestes os filhos de Judá e os filhos de Jerusalém aos filhos dos gregos, para os apartar para longe dos seus termos”.

 

            D – Elas saquearam a Terra de Deus – Vs. 5 A

“Visto como levastes a minha prata e o meu ouro...”

 

            E – Elas profanaram o Santuário de Deus – Vs. 5B

“ ...e as minhas coisas desejáveis e formosas pusestes nos vossos templos”

           

            E depois de apresentar a ACUSAÇÃO, o SENHOR Deus faz:

II - A DECLARAÇÃO DE GUERRA CONTRA AS NAÇÕES – VS. 7 A 13

            1 – A Hora da Paga (Vingança) – Vs. 7

“Eis que eu os suscitarei do lugar para onde os vendestes,

e farei tornar a vossa paga sobre a vossa própria cabeça”.

 

            2 – A Vindicação da Justiça de Deus – Vs. 8

“E venderei vossos filhos e vossas filhas na mão dos filhos de Judá,

 

            3 – A Convocação de Guerra – Vs. 9 a 13

            A – É Universal – Vs. 9

“Proclamai isto entre os gentios; preparai a guerra, suscitai os fortes;

cheguem-se, subam todos os homens de guerra”

            B – É na Base Humana – Vs. 10

“Forjai espadas das vossas enxadas, e lanças das vossas foices;

diga o fraco: Eu sou forte”

           

            C – É uma Guerra de Coligações – Vs. 11

“Ajuntai-vos, e vinde, todos os gentios em redor, e congregai-vos.

Ó Senhor, faze descer ali os teus fortes”

 

            D – É uma Peleja de Juízo – Vs. 12

“Suscitem-se os gentios, e subam ao vale de Jeosafá;

pois ali me assentarei para julgar todos os gentios em redor”

 

            E – É uma Guerra de Tempo Pré-Marcado – Vs. 13

“Lançai a foice, porque já está madura a seara; vinde, descei,

porque o lagar está cheio, e os vasos dos lagares transbordam, porque a sua malícia é grande”

 

            Agora vamos ler os versos 14 a 21, e analisarmos minuciosamente a Terceira Fase do Dia do SENHOR: A Execução do Juízo contra os Ímpios – Vs. 14 a 17; e a Quarta, e última, Fase que são: As Bênçãos sobre o Povo de Deus – Vs. 18 a 21.

 

III – A EXECUÇÃO DO JUÍZO CONTRA OS ÍMPIOS – VS. 14 A 17

                       

            1 – Os Personagens Identificados –Vs. 14 A

Multidões, multidões”

            O vs. 2 já havia descrito que “todas as nações”. Aqui fala do número: multidões incontáveis. No local são revelados os intimados para esse juízo.

 

            2 – O Local Apontado – Vs. 14B

no vale da decisão”

            Vale de Jeosafá agora é chamado de Vale da Decisão

            Vale de Jeosafá significa, em Hebraico, Vale onde YAHWEH  julga!

            Uma das portas de Jerusalém, a que é virada para esse vale, se chama Porta do Vale de Jeosafá, em Hebraico ela se chama “miphkad”, ou seja, “LUGAR APONTADO”.

            Em Israel, quando se visita esse vale, é a maior planície de Israel, onde há tantos detalhes históricos, e, se em meio há tantos turistas e movimentações, você conseguir um pouco de silêncio e paz, você sentirá a terra tremer um pouco (dizem que Israel tem uma das maiores bases de aviões nos subterrâneos desse vale). Eles sabem que ali as nações se reunirão para destruir Israel, faltam-lhes saber que também élá que o SENHOR  Jesus Cristo virá dos céus para lutar por eles – Apocalipse 16:13 a 16:

“E da boca do dragão, e da boca da besta, e da boca do falso profeta

vi sair três espíritos imundos, semelhantes a rãs.

Porque são espíritos de demônios, que fazem prodígios;

os quais vão ao encontro dos reis da terra e de todo o mundo, para os congregar para a batalha, naquele grande dia do Deus Todo-Poderoso.

Eis que venho como ladrão.

Bem-aventurado aquele que vigia, e guarda as suas roupas, para que não ande nu,

e não se vejam as suas vergonhas.

E os congregaram no lugar que em hebreu se chama Armagedom.”

 

            É o Vale da Decisão de Deus, onde o verídito CULPADO e CONDENADO será dado a todos que rejeitaram a graça de Jesus Cristo.

            Ali é o lugar do verídito, o lugar da condenação e da execução!

 

            3 – O Cenário Terrível – Vs. 15

“O sol e a lua se enegrecerão, e as estrelas retirarão o seu resplendor.”

            Diante do brilho da glória de Jesus, o sol, a lua e as estrelas desaparecem. Jesus vem em maior e mais intenso brilho que ofusca e enegrece os mais potentes luminares.

 

            4 – A Dupla Sentença – Vs. 16 e 17 (O LEÃO RUGIRÁ)

                        A – A Condenção dos Incrédulos – Vs. 16A

E o Senhor bramará de Sião, e de Jerusalém fará ouvir a sua voz;

e os céus e a terra tremerão...”

                      Fala de quão terrível será o pronunciar do juízo – Apocalipse 19:19-21

E vi a besta, e os reis da terra, e os seus exércitos reunidos, para fazerem guerra àquele que estava assentado sobre o cavalo, e ao seu exército.

E a besta foi presa, e com ela o falso profeta, que diante dela fizera os sinais, com que enganou os que receberam o sinal da besta, e adoraram a sua imagem. Estes dois foram lançados vivos no lago de fogo que arde com enxofre.

E os demais foram mortos com a espada que saía da boca do que estava assentado sobre o cavalo, e todas as aves se fartaram das suas carnes.”

 

            B – A Salvação do Povo de Deus – Vs. 16B

“ ...mas o Senhor será o refúgio do seu povo, e a fortaleza dos filhos de Israel.”

            No mesmo Tribunal, duas sentenças, como em Mateus 25

            - Vs. 31 e 34 – “Vinde, benditos de meu Pai...”

            - Vs. 41 – “Apartai-vos de Mim, malditos, para o fogo eterno...”

 

IV – AS BÊNÇÃOS SOBRE O POVO DE DEUS – VS. 17 A 21

            1 – A Habitação de Deus – Vs. 17A

“E vós sabereis que eu sou o Senhor vosso Deus, que habito em Sião, o meu santo monte”

            A bendita esperança do Salmo 23:6!

            A inefável bênção de Apocalipse 21:1-8!

 

            2 – A Santificação de Deus – Vs. 17B

“e Jerusalém será santa; estranhos não passarão mais por ela”

 

“Os quais, por castigo, padecerão eterna perdição,

 longe da face do Senhor e da glória do seu poder”

2 Tessalonicenses 1:9

 

“Por isso os ímpios não subsistirão no juízo,

nem os pecadores na congregação dos justos”

Salmo 1:5

(eles sempre quiseram isso)

 

“Apartai-vos de Mim, malditos, para o fogo eterno...”

Mateus 25:41

 

E não entrará nela coisa alguma que contamine, e cometa abominação e mentira;

mas só os que estão inscritos no livro da vida do Cordeiro”

Apocalipse 21:27

 

            3 – A Restauração da Criação – vs. 18

E há de ser que, naquele dia, os montes destilarão mosto, e os outeiros manarão leite,

 e todos os rios de Judá estarão cheios de águas;

e sairá uma fonte, da casa do Senhor, e regará o vale de Sitim.”

 

ð  Romanos 8 e as bênçãos do Reino Milenar de Cristo

            4 – A Justiça Realizada – Vs. 19 e 20

“O Egito se fará uma desolação, e Edom se fará um deserto assolado, por causa da violência que fizeram aos filhos de Judá, em cuja terra derramaram sangue inocente.

Mas Judá será habitada para sempre, e Jerusalém de geração em geração.”

 

            5 – A Salvação dos Remanescentes – Vs. 21

“E purificarei o sangue dos que eu não tinha purificado;

porque o Senhor habitará em Sião. “

            Temos aqui mais uma vez, no término dessa mensagem, a bendita doutrina do remanescente, em que o SENHOR Deus promete que nenhum de Seus escolhidos se perderá e que em toda a trajetória da história da humanidade o SENHOR preservou uma porção do Seu povo como testemunha de Sua graça:

“E será que aquele que for deixado em Sião, e ficar em Jerusalém, será chamado santo;

todo aquele que estiver inscrito entre os viventes em Jerusalém;

Quando o Senhor lavar a imundícia das filhas de Sião, e limpar o sangue de Jerusalém, do meio dela,

com o espírito de justiça, e com o espírito de ardor”.

Isaías 4:3-4

 

            Você entendeu o anúncio profético do Grande Dia do SENHOR?

            Você crê em suas exortações e no terror para os incrédulos, rejeitadores e negligentes?

            Creia na provisão da graça de Deus, em Jesus, Deus oferece o perdão, a salvação eterna, as bênçãos de ser povo de Deus, de morar com o SENHOR, de Sua segurança e bem-aventurança eterna.

            Há hoje ainda um convite – um convite de Jesus:

“Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.”

Mateus 11:28

 


Pr. José Nogueira


2010-06-27 00:00:00

TV Cristo é Vida - Ao Vivo aos Domingo
Israel 2018

© IBFCV • Igreja Batista Fundamentalista Cristo é Vida

Avenida K, nº 911 - Planalto da Barra - Vila Velha - Fortaleza - Ceará - Brasil - CEP 60348-530 - Telefone: +55 85 3286-3330