Igreja Batista Fundamentalista Cristo é Vida

Bíblia Online

[ cristoevida.com ]

  • youtube
  • Instagram
  • twitter

Koinonia
Reunião de Estudo Bíblico e Oração

Até Quando?



IGREJA BATISTA FUNDAMENTALISTA CRISTO É VIDA
www.cristoevida.com


KOINONIA 2013-09-18

Até Quando?

Salmo 13


Giuvan Cardoso


Igreja Batista Fundamentalista Cristo é Vida
KoinonIa – 17 de setembro de 2013

Até Quando?

Quando  atravessamos  momentos   difíceis   em   nossas   vidas,  uma  pergunta  que  vem  em  nossas mentes é: “até quando?”.  

Até   quando   vamos   ficar   nessa  situação?  Até  quando  as  coisas  vão ficar desse jeito? Até quando  vamos ficar sofrendo assim?

Nesta  oração  de  Davi,  ele  se  derrama diante do Senhor no meio da tribulação. Ele parte desde a profundeza do sofrimento até um ponto superior de confiança e esperança.  Ele sabe que o caminho é a oração, mas a energia sustentadora é a fé em Deus, mesmo vivendo momentos terríveis em sua vida.

Pelo menos três coisas, Davi fez nessa sua oração.

I- Ele clama pela presença do Senhor - 1 e 2

As palavras “até quando”, em quatro ocasiões, indicam como era difícil a situação que Davi vivia. Nelas, ele apresenta os quatro aspectos do seu sofrimento:

a) Solidão, porque Deus está esquecido dele - 1a

b) Vergonha, porque parece que Deus não cuida dele - 1b

c) Desespero, porque ele é deixado aos seus próprios recursos - 2a

d) Injustiça, porque os seus inimigos têm a vantagem e estão exaltados - 2b

Na sua angústia, a impressão que Davi tinha era que Deus o havia abandonado. Ele estava tão abatido, que não conseguia perceber o cuidado de Deus em sua vida.

II- Ele busca o socorro do Senhor - 3 e 4

Através da oração, ele busca o socorro do Senhor diante de duas coisas que o estava afligindo:

a) A angústia em que ele estava vivendo - 3

Davi faz uma oração direta ao Senhor, ele vai direto ao ponto, não fez arrodeios. “Atende-me, ouve-me, ... ilumina os meus olhos”.

b) A perseguição dos seus inimigos - 4

Não bastassem as aflições da própria carne, tinha ainda os seus inimigos que estavam esperando a sua ruína; esperando o seu vacilar.

III- Ele declara sua cofiança no Senhor - 5

Quatro aspectos descrevem claramente a sua dependência no SENHOR:

a) Ele confia na benignidade do Senhor - 5a

b) Ele alegra o seu coração no Senhor - 5b

c) Ele louva ao Senhor - 6a

d) Ele lembra os feitos do Senhor - 6b

O seu desânimo dá lugar à confiança na medida em que a sua fé se firma no SENHOR. Apesar de todo o sofrimento e angústia, ele estava vivendo na total dependência e confiança no SENHOR. Momentos difíceis vêm sobre nossas vidas, e quando começamos a perguntar “até quando?” é hora de clamar pela presença do SENHOR, buscar o Seu socorro e confiar plenamente nEle, que, a Seu tempo, Ele nos dará o escape.





Pedidos de oração:

1 – Ações de Graça:Pelo Seminário sobre os Manuscritos do Mar Morto, a grande benção que foi; Pela palestra que houve no Seminário Batista do Cariri e hoje no Sibima 2 – Nossos Desafios: Pelas aulas de música (quinta-feira) e a Clínica de Música, em novembro. Pelo Retiro da Mocidade (em dezembro); Pelo Retiro de Casais; Das Dorcas. 3 – Missões: Oremos pelos cristãos na Síria, eles precisam muito de orações, pois enfrentam um período muito complicado durante esta fase atual de crise no país. Oremos pela campanha evangelística do dia 2 de Novembro. 4 – Intercessões: Pela Auristela: pelo transplante de córnea. Pela mãe do Huguinho e irmã do Assis - sofrem de esclerose múltipla. Pelo Bruno (Marilena); e Igor e André (Lena). Pela Salvação da D. Leontina, mãe do Romildo. Pela saúde e tratamentos da irmã Catarina. Pela irmã Fransquinha Aguiar: seus problemas nos pulmões. Pela Família do Aquino em Floripa. Pela Judite, tia da Marlúcia, está na UTI.pedidos e súplicas:Pelo tratamento do Cláudio Magalhães. Pela Reconciliação do Carlito Jr., Pelos membros sob disciplina;Pela gravidez da Sancha e Fatinha. Pelo Casamento de Laíse e Bruno Braga. Oremos pela conversão dos maridos das irmãs:Marlúcia, Fátima, Eudalice, Lourdes, Sandra, Eliete, Cida, Graça Aragão, Daniele, Cici, D’lurdes, Inês, Rita e Valdeci. Pela Márcia (irmã da Ismênia): problemas de coração e mioma.

© IBFCV • Igreja Batista Fundamentalista Cristo é Vida

Avenida K, nº 911 - Planalto da Barra - Vila Velha - Fortaleza - Ceará - Brasil - CEP 60348-530 - Telefone: +55 85 3286-3330