Igreja Batista Fundamentalista Cristo é Vida

Bíblia Online

[ cristoevida.com ]

  • youtube
  • Instagram
  • twitter

Mensagem Pastoral

IGREJA BATISTA FUNDAMENTALISTA CRISTO É VIDA
www.cristoevida.com


A Obra Missionária Segundo Jesus Cristo


A Obra Missionária Segundo Jesus Cristo

Mateus 9:35-38

 

            Vamos nos lembrar do texto-base de nossa XVIII Conferência Missionária? João 20:21 (“Assim como o Pai me enviou, Eu também vos envio”).

            O texto de Mateus (9:35-38) nos mostra estas duas partes de Missões: O envio de Jesus pelo Pai, e o nosso envio por Jesus Cristo. Observemos que este trecho bíblico nos mostra O PRINCÍPIO DA OBRA (Vs. 35), nos ensina A PERSPECTIVA DA OBRA (Vs. 36 e 37), e nos desafia com O PERIGO DA OBRA (Vs. 38).

I – O PRINCÍPIO DA OBRA – Vs. 35

1 – Por que é o princípio da obra?

a)      Trata-se da segunda viagem de Jesus pela Galiléia. Só que agora Ele está levando Seus discípulos. Tasker a chama de “Jesus e Seus pregadores missionários”. Era uma viagem de treinamento missionário.

b)      Isto é sugerido pelo uso do Tempo Imperfeito (“percorria”), que é chamado na Língua Grega de Imperfeito Ingressivo. Sugere uma obra não completada, aliás apenas começada.

c)      Também é a sugestão do Caso Acusativo em “todas as cidades e povoados”. Este Caso, no Grego Koinê, dá o sentido de direção, alvo. Não diz que Ele alcançou, fala do Seu objetivo de alcançar todas as cidades e povoados. As cidades eram centros com muralhas, e os povoados (aldeias) eram vilarejos sem muros de proteção ao redor. Só na Galiléia calcula-se que havia mais de 200 locais assim.

2 – Princípio de qual obra? Um ministério integral:

a)      Ensinando nas sinagogas – Ministração à mente.

b)      Pregando o Evangelho do Reino – Ministração ao espírito.

c)      Curando toda sorte de doenças e enfermidades – Ministração ao corpo.

 

II – A PERSPECTIVA DA OBRA – Vs. 36 e 37

1 – A Situação das Pessoas – Vs. 36

            Jesus via e se compadecia. A força da expressão aqui é que, ao passo que via, a sua compaixão crescia. Ele não se acostumava com a dor.

            Henry Martin, grande missionário do Século XVIII, pregava sempre pensando nos moribundos: “Pensai na situação triste do moribundo, que apenas conhece o bastante da eternidade para temer a morte, mas não conhece bastante do Salvador para olhar o futuro com esperança. Não pode pedir uma Bíblia para saber algo sobre o que se firmar, nem pode pedir a esposa ou ao filho que lhe leiam um capítulo para o confortar. A Bíblia, ah!, é um tesouro que eles nunca possuíram! Vós que tendes um coração para sentir a miséria do próximo; vós que sabeis como a agonia de espírito é maior do que qualquer sofrimento do corpo, vós que sabeis que vem o dia em que tendes de morrer, oh!, dai-lhes aquilo que lhes será um conforto na hora da morte”!”.

            Jesus e Henry Martin não eram como a maioria de nós, que nos acostumamos e nos acomodamos com a perdição dos homens.

a)      Há muito AFLITAS (abatidas, exploradas, no Grego Clássico: “esfoladas”).

b)      Há muito DEPRIMIDAS (abusadas e despachadas). A mesma expressão usada para as moedas de Judas, em Mt 27:5, e da carga do navio, em At 27:19 e 29.

c)      Ovelhas sem pastor – Havia sinagogas e religião, mas não havia quem cuidasse delas.

Advertência aos ecumênicos e missiólogos neo-evangélicos: ter igreja “cristã” não quer dizer que a obra está realizada...

Advertência aos líderes: ter cargo não quer dizer que é pastor...

Advertência a todos: ser crente não basta, é preciso ter a visão de Jesus!

2 – A Situação do Mundo – Vs. 37

            Jesus agora os chama de discípulos e lhes diz que há uma obra a ser feita!

a)      A seara é enorme! Seara sugere urgência e valor!

No contexto do texto: As cidades e povoados de Israel

No Contexto do Novo Testamento: Israel e o mundo (Mt 28:18-20).

b)      Os obreiros são poucos!

ð     Como vimos, não havia falta de líderes religiosos, faltavam ceifeiros (trabalhadores)!

ð     Não havia falta de doutores e mestres, faltavam pais! (1 Co 4:15).

ð     O SENHOR Deus tem preparado o campo, mas onde estão os obreiros?

 

III – O PERIGO DA OBRA – Vs. 38

            Jesus faz um desafio perigosíssimo: intima-nos a participar desta grandiosa obra!

1 – Exige COMEÇAR COM FERVOR: “Rogai” está no Imperativo Aoristo que ordena o início de uma ação: “Comecem a pedir fervorosamente...”

2 – Exige INTIMIDADE: “Comecem a pedir fervorosamente com intimidade ao Senhor da seara” (o complemento não está no Acusativo, e sim no Genitivo que dá o sentido de intimidade).

3 – Exige COMPROMETIMENTO: O verbo mandar, no original, é bem mais forte, significa EXPULSAR. Uma tradução expandida ficaria assim: “Comecem a pedir fervorosamente com intimidade ao Senhor da seara para que EXPULSE os trabalhadores...”

            Expulsar-nos de onde? De nossas apatias, de nossas insensibilidades, de nossas comodidades, de nossas preguiças, de nosso egoísmo!

4 – Exige CORAGEM e DECISÃO: “Comecem a pedir fervorosamente com intimidade ao Senhor da seara para que EXPULSE os trabalhadores DO QUE QUER QUE SEJA A FIM DE QUE ENTREM NA SEARA!

5 – Exige FÉ: Jamais entenderemos a oração (Mt 6:8), contudo recebemos a ordem de orar, e neste caso há três implicações:

a)      Se nós orarmos, quando, então, aparecerem os obreiros, nós daremos ações de graça ao SENHOR, pois Ele enviou (Deus será glorificado)!

b)      Se nós orarmos, quando, então, aparecerem os obreiros, nós teremos a responsabilidade de participar de suas preparações e envio!

c)      Se nós orarmos, quando, então, aparecerem os obreiros, nós teremos a sensibilidade de ouvir a voz de Deus, como Isaías (Is 6:8)!

 

Conclusão:

O pastor e missionário Jim Willson, irmão mais velho do Pr. Thomas Willson, decidiu ser missionário ao contemplar sua vida diante de Deus. Ele pensou: Se eu for advogado, apesar do grande trabalho, ajudarei nos problemas de muita gente; se eu for médico, apesar do esforço e grande luta, ajudarei a saúde e a vida de muita gente; se eu for missionário, apesar dos sacrifícios, ajudarei para a vida eterna de muita gente!

Era Isaías 6:8 se cumprindo na vida dele!

Disse o SENHOR: "Quem há de ir por nós?"

A resposta foi: "Eis-me aqui! Envia-me a mim!"


Pr. José Nogueira


2005-01-16 00:0

TV Cristo é Vida - Ao Vivo aos Domingo
Israel 2018

© IBFCV • Igreja Batista Fundamentalista Cristo é Vida

Avenida K, nº 911 - Planalto da Barra - Vila Velha - Fortaleza - Ceará - Brasil - CEP 60348-530 - Telefone: +55 85 3286-3330