Igreja Batista Fundamentalista Cristo é Vida

Bíblia Online

[ cristoevida.com ]

  • youtube
  • Instagram
  • twitter

Missões - TOM
Tempo de Oração por Missões

Jesus e as Calamidades



IGREJA BATISTA FUNDAMENTALISTA CRISTO É VIDA
www.cristoevida.com


2011-02-01 00:00:00

Jesus e as Calamidades

Lucas 13:1-9


Pr. José Nogueira


PRIMEIRA LIÇÃO
JESUS ENSINOU QUE TODOS PRECISAM DE ARREPENDIMENTO
– Vs. 2 E 3; 4 E 5A
“E, respondendo Jesus, disse-lhes: Cuidais vós que esses galileus foram mais pecadores do que todos os galileus, por terem padecido tais coisas?
Não, vos digo; antes, se não vos arrependerdes, todos de igual modo perecereis.”
(Vs. 2 e 3)

E aqueles dezoito, sobre os quais caiu a torre de Siloé e os matou, cuidais que foram mais culpados do que todos quantos homens habitam em Jerusalém?
Não, vos digo; antes, se não vos arrependerdes, todos de igual modo perecereis.

(Vs. 4 e 5)
Jesus lembrou ao povo dois acontecimentos trágicos e atuais de sua época e aproveitou para mostrar a necessidade universal do ser humano de arrependimento.
A lógica de Jesus é imbatível. Eles não eram mais pecadores do que vocês são. Pois todos são pecadores (“Pois todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus” – Romanos 3:23).
Todos pecaram. Todos são pecadores. E a Bíblia Sagrada estabelece que “o salário do pecado é a morte” (Romanos 6:23).
Como somos pecadores, estamos condenados à morte eterna. Portanto, todos nós precisamos de arrependimento.

SEGUNDA LIÇÃO
JESUS ENSINOU QUE AS CATÁSTROFES  SÃO MEGAFONES DE DEUS PARA OS HOMENS
– Vs. 1 e 4

Jesus pegou dois grandes acontecimentos tristes e trágicos para deixar bem evidente três coisas:
1 – A MORTE É INEVITÁVEL
Todos os homens, mais cedo ou mais, morrerão. A vida é um empréstimo de Deus. E Ele pode tomar quando e como quiser. O homem precisa entender isto!
Se aqueles galileus ou os habitantes de Jesusalém sobre os quais caiu a torre não morressem vítimas daquelas tragédias, eles morreriam de qualquer outra coisa: doenças, acidentes, velhice, etc.
“E, como as homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo” (Hebreus 9:27).

2 – O SER HUMANO É FRÁGIL
Pensamos que somos fortes, mas estamos enganados. Somos fracos. Um simples e microscópico vírus pode nos matar. Pode haver um coágulo em nossa circulação esperando apenas o momento certo de chegar em vaso mais estreito do cérebro e nos matar de forma fulminante.
Um acidente, a qualquer momento, pode nos ser fatal.
Como nos adverte Eclesiastes 9:12:
“Que também o homem não sabe o seu tempo; assim como os peixes que se pescam com a rede maligna, e como os passarinhos que se prendem com o laço, assim se enlaçam também os filhos dos homens no mau tempo, quando cai de repente sobre eles”.

3 – PREPARE-SE PARA O ENCONTRO COM DEUS
É por isso que o SENHOR Deus dá esse ultimato a todos os homens, em Isaías 55:6-7:
“Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto. Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, e se converta ao Senhor, que se compadecerá dele; torne para o nosso Deus, porque grandioso é em perdoar.”

TERCEIRA LIÇÃO
JESUS ENSINOU QUE A DEMORA DO JUÍZO DEVE-SE À PACIÊNCIA DE DEUS
– Vs. 7-9
Algumas pessoas pensam que o juízo de Deus não os atinge por serem elas mais “boazinhas”, ou porque Deus não age mais ou não está assim tão envolvido e interessado em suas vidas. Mas, estes são outros enganos.
Jesus Cristo afirmou categoricamente que a demora ou o tempo a mais que Ele dá a uma pessoa se deve à Sua paciência. Mas, que ela também tem seu limite:
“E dizia esta parábola: Um certo homem tinha uma figueira plantada na sua vinha, e foi procurar nela fruto, não o achando;
E disse ao vinhateiro: Eis que há três anos venho procurar fruto nesta figueira, e não o acho. Corta-a; por que ocupa ainda a terra inutilmente?
E, respondendo ele, disse-lhe: Senhor, deixa-a este ano, até que eu a escave e a esterque;
E, se der fruto, ficará e, se não, depois a mandarás cortar.”

1 – AS CALAMIDADES ANUNCIAM O FIM – MATEUS 24:7-8
“Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá fomes, e pestes, e terremotos, em vários lugares.
Mas todas estas coisas são o princípio de dores.”

2 – VEJAMOS O FUTURO – APOCALIPSE 6:12-17
“E, havendo aberto o sexto selo, olhei, e eis que houve um grande tremor de terra; e o sol tornou-se negro como saco de cilício, e a lua tornou-se como sangue; 
E as estrelas do céu caíram sobre a terra, como quando a figueira lança de si os seus figos verdes, abalada por um vento forte. 
E o céu retirou-se como um livro que se enrola; e todos os montes e ilhas foram removidos dos seus lugares. 
E os reis da terra, e os grandes, e os ricos, e os tribunos, e os poderosos, e todo o servo, e todo o livre, se esconderam nas cavernas e nas rochas das montanhas; 
E diziam aos montes e aos rochedos: Caí sobre nós, e escondei-nos do rosto daquele que está assentado sobre o trono, e da ira do Cordeiro; 
Porque é vindo o grande dia da sua ira; e quem poderá subsistir?”
 

QUARTA LIÇÃO
JESUS FALA DIRETAMENTE COM VOCÊ
– Vs. 3 e 5
Observemos como Jesus Cristo fala diretamente às pessoas. Ele não fala ao vento, Ele se dirige à nós:
“Não, vos digo; antes, se não vos arrependerdes, todos de igual modo perecereis.”
No naufrágio do navio Titanic, morream 1522 pessoas.
Naquele navio, havia duas classes: a 1ª Classe e a 2ª Classe. As pessoas estavam assim classificadas, segundo a posição social.
Por ocasião do naufrágio, houve apenas duas classes: os mortos e os sobreviventes.
Hoje todos já morreram. E a única lista que importa é se estão salvos (por terem se arrependido e crido em Jesus), ou se estão perdidos para sempre.
Hoje, Jesus fala com você. Você pensa que os que estão morrendo, vítimas de acidentes, tragédias e doenças, são mais pecadores do que você?
Ouça o que Jesus Cristo lhe diz:
“Não, vos digo; antes, se não vos arrependerdes, todos de igual modo perecereis.”

O apóstolo Paulo pregou na grande cidade de Atenas, na Grécia. Pregou no areópago, no centro filosófico, para os filósofos gregos. Ele apenas anunciou a mensagem simples que os homens estão perdidos em seus pecados e que precisam de Jesus Cristo como Salvador e Senhor.
Sua mensagem está registrada em Atos 17:30-34:

“30 Mas Deus, não tendo em conta os tempos da ignorância, anuncia agora a todos os homens, e em todo o lugar, que se arrependam; 
31 Porquanto tem determinado um dia em que com justiça há de julgar o mundo, por meio do homem que destinou; e disso deu certeza a todos, ressuscitando-o dentre os mortos. 
32 E, como ouviram falar da ressurreição dos mortos, uns escarneciam, e outros diziam: Acerca disso te ouviremos outra vez. 
33 E assim Paulo saiu do meio deles. 
34 Todavia, chegando alguns homens a ele, creram; entre os quais foi Dionísio, areopagita, uma mulher por nome Dâmaris, e com eles outros”. 

A Bíblia diz que alguns rejeitaram por escarnecer e outros por adiarem uma decisão. Mas, outros creram!
Essa é a diferença e a única lista que interessa: os salvos por terem crido, e os perdidos por terem rejeitado.

Em que lista você se coloca?


0





Pedidos de oração:

EGITO Hoje direcionaremos nossas orações para o Egito, país que ocupa o 21º lugar na classificação de países que mias perseguem os cristãos. A população do Egito é de 81, 7 milhões de pessoas, grande parte dessa população ocupa as cidades do Cairo e de Alexandria, que são as maiores cidades do país. O Egito é quatro vezes maior que o Estado de São Paulo, mas a maior parte de seu território encontra-se no deserto. O Islamismo é a religião oficial do país. Apesar de existir uma certa “liberdade religiosa” os cristãos que vivem no Egito sofrem muita discriminação da população e do governo local, vivendo, muitas vezes, em extrema pobreza. Os muçulmanos que se convertem ao cristianismo optam por esconder sua decisão com medo de serem presos, torturados e até mortos, por que a conversão de muçulmanos para outra religião não é reconhecida pelo governo e é tida como crime. O crescimento do cristianismo é lento no Egito, uma boa parte dos convertidos saem do país ou vivem escondidos. No momento o Egito passa por uma grande crise, hoje mesmo um milhão de egípcios fazem protesto contra o governo de Hosni Mubarak. Embora algumas mídias digam que esses protestos visam a implantação de uma democracia no Egito, a verdade é bem diferente. Trata-se, na realidade, de um grande avanço de radicais islâmicos pela tomada de poder (como na Tunísia e Líbano). Mubarak é odiado pelos radicais muçulmanos por ser moderado em relação à Israel. Mas Deus com certeza ouvirá o nosso clamor e fortalecerá nossos irmãos do Egito, continuemos orando.

© IBFCV • Igreja Batista Fundamentalista Cristo é Vida

Avenida K, nº 911 - Planalto da Barra - Vila Velha - Fortaleza - Ceará - Brasil - CEP 60348-530 - Telefone: +55 85 3286-3330